Aditamento do Fies 2022 – o que é, como fazer, documentos

Aditamento do Fies 2022 – o que é, como fazer, documentos

Última atualização em 8 de julho de 2021

O que é Aditamento do Fies 2022 e como funciona? Saiba quando e como fazer aditamento e os documentos necessários? Tudo está neste artigo.

O Governo Federal tem diversos programas que facilitam a entrada na população no Ensino Superior, em faculdades e universidades. Só que isso envolve algumas burocracias que acontecem desde a inscrição até o final do seu benefício.

Aditamento do Fies 2022

Pode ser o Sisu, o Prouni ou o Fies, todos tem burocracias a serem realizadas para garantir a sua vaga.

Com o Fies 2022 não é diferente, como um beneficiário você tem responsabilidades que precisa cumprir para continuar recebendo seu financiamento. O Aditamento é uma dessas responsabilidades e é isso que lhe explicaremos melhor aqui neste texto. Abordaremos aqui os seguintes tópicos:

  • O que é o Aditamento do Fies 2022?
  • Quando fazer o Aditamento do Fies?
  • Quem pode fazer o Aditamento do programa?
  • O que acontece se eu não fizer o aditamento?
  • Como fazer o Aditamento?
  • Quais são os documentos necessários?

Preste bem atenção pois essa é uma tarefa obrigatória para todos os usuários do Fies 2022!

O que é o Aditamento do Fies 2022?

o que significa Aditamento do Fies 2022

Existem algumas tarefas e termos que podem parecer de outro mundo quando você começa a aprender e a lidar com o Fies. Mas na prática é tudo muito mais simples, aditamento do Fies é nada mais e nada menos do que uma renovação do seu contrato de financiamento.

Nele você irá acrescentar ao seu contrato inicial documentos que comprovem que você continua estudando na instituição, que está realmente matriculado.

É como se fosse aquela renovação da matrícula, rematrícula, que você costumava fazer todos os anos antes da faculdade. Só que é algo separado da instituição de ensino, como você verá mais para frente.

Você sabe quando você deve fazer esse aditamento? Ainda não?

Quando fazer o Aditamento do Fies?

O Aditamento é uma renovação que deve ser realizada todo o semestre. Diferente de algumas instituições que podem cobrar matrículas e rematrículas por ano ou por semestre letivo.

Então na prática você irá realizar o aditamento duas vezes ao ano, até concluir o seu curso financiado pelo Fies 2022.

No primeiro semestre você deverá realizar o Aditamento do Fies entre o dia 1° de dezembro e 31 de março. No segundo semestre o aditamento deve acontecer entre o dia 1° de julho e 31 de agosto.

Você tem dúvidas se realmente precisa fazer o aditamento do Fies 2022?

Quem pode fazer o Aditamento do programa?

portal sisfies

Não há outras opções, todos os estudantes beneficiários do Fies precisam realizar o aditamento a cada 6 meses. Então todos as pessoas vinculadas ao Fundo de Financiamento Estudantil do MEC (Ministério da Educação) deverão realizar o aditamento.

E se por algum motivo eu acabar não fazendo o meu aditamento? O que acontece?

O que acontece se eu não fizer o aditamento?

Você não tem a opção de não fazer o aditamento. Se você não fizer a renovação irá perder o seu financiamento estudantil, tendo que pagar a mensalidade integral estipulada pela instituição de ensino.

Preste muita atenção nos prazos e realize o seu aditamento, assim não correrá nenhum risco de ficar sem o seu financiamento da faculdade.

Não sabe como fazer? Sem preocupações, é só ler abaixo:

Como fazer o Aditamento?

aditamento fies 2022

Existem dois tipos de Aditamentos: o simplificado e o não simplificado. O simplificado é o que você só renova o seu contrato sem alterações. O não simplificado você precisa fazer algum tipo de alteração no contrato, seja de financiamento ou até troca de fiador.

Para o aditamento simplificado basta comparecer à CPSA para retirar uma via do Documento de Regularidade de Matrícula (DRM), devidamente assinada pelo presidente ou vice-presidente da Comissão.

Endereço eletrônico para fazer aditamento: http://sisfiesaluno.mec.gov.br/seguranca/principalentrar sisfies

Login com seu CPF e senha. Se for sua primeira vez entrar no sistema, deve se cadastrar primeiro.

Já para o aditamento não simplificado você deverá ir presencialmente até uma agência do banco que financiou os seus estudos.

Leia também e entenda como funciona SisFies:

  • Sisfies 2022 – inscrições, renovação do contrato, aditamento
  • Fies 2022.2 segundo semestre – cronograma, inscrições, Novo Fies e P-fies

Para essa ida ao seu banco em busca do seu aditamento você precisará ter em mãos alguns documentos importantes. Veja quais são eles no próximo tópico:

Quais são os documentos necessários?

Para você fazer o seu aditamento não simplificado, ou seja, com alterações contratuais, você precisará de diversos documentos. É preciso estar com todos e mãos, em bom estado de conservação, ao ir a agência bancária na qual você fez o seu Fies, financiou os seus estudos.

Você precisará dos documentos que listamos aqui embaixo:

Pelo estudante (à CPSA e ao banco):

  • Original do documento de identificação;
  • Original e cópia do comprovante de residência atualizado;
  • Original e cópia da certidão de casamento, CPF e documento de identificação do cônjuge, em caso de alteração do estado civil do estudante após a contratação do financiamento ou realização do último aditamento;
  • Original e cópia do termo de concessão ou termo mais recente de atualização do usufruto de bolsa parcial do Prouni, em caso de obtenção desse benefício após a contratação do financiamento ou realização do último aditamento.

Pelo fiador ao banco:

  • Original do documento de identificação;
  • Original do CPF;
  • Originais e cópias da certidão de casamento, CPF e documento de identificação do cônjuge, se for o caso;
  • Original e cópia do comprovante de residência;
  • Original e cópia do comprovante de rendimentos, em caso de alteração de renda, inclusão ou substituição de fiador do contrato de financiamento.

Lembre-se de cumprir os prazos e prestar muita atenção em qualquer mudança que vá fazer no seu Fies. Não deixe para fazer o seu aditamento na última hora…

Conclusão

O aditamento é um dos procedimentos mais importantes para o aluno que obtém o financiamento, isso porque é uma maneira que o estudante tem de manter seu curso superior, e ainda concluir ele sem nenhuma preocupação.

É importante ressaltar que o estudante só vai pagar as parcelas do Fies, após a sua formatura, de acordo com os valores fixados pelo banco e também sendo esse cobrado após o estudante concluir seu curso.

Esse conteúdo ajudou você a fazer o aditamento? Então compartilhe nas redes sociais e ajude os seus amigos também!

Qualquer dúvida você pode deixar nos comentários logo abaixo…

Inep_Oficial

Inep_Oficial

PaginadoParticipante.com é um portal votado para estudantes que quiserem ficar dentre das notícias sobre: Enem, Sisu, Prouni, Fies, Encceja, Fatec, Etec, e muitos mais programas do Governo Federal do país. Não perca a sua chance e faça a inscrição agora. Fique ligado/a.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *